Treino livre 2: Daniel Ricciardo crava quinto melhor tempo no GP da Toscana

Australiano marcou 1m18s039 e obteve o melhor resultado entre todos os carros que possuem motor Renault

(Foto: Renault F1 Team)


Grande Prêmio da Toscana, bem-vindo! A sexta de treinos livres em Mugello contou com Daniel Ricciardo na nona posição logo cedo, no TL1 e em P5 na segunda parte. O australiano, que chegou a reclamar do equilíbrio do carro logo na primeira volta, cravou o melhor tempo dos pilotos com motor Renault utilizando pneus macios.


Logo na abertura da sessão do segundo treino livre, Daniel Ricciardo foi para pista com pneus duros, marcando o tempo de 1m19s627, no entanto, o australiano reclamou no rádio sobre o equilíbrio do carro, destacando que, mesmo tendo cometido alguns erros, a situação não estava boa.


Segunda tentativa, hora dos pneus macios. O australiano foi ao limite com os compostos de faixa vermelha e cravou 1m18s039, assumindo o P2, com 0.042 de distância do primeiro colocado, a Mercedes do finlandês Valtteri Bottas.

Na sequência, bandeira vermelha após uma batida de Lando Norris. O inglês deixou o carro passar na brita, perdeu a traseira e colidiu perdendo a asa frontal do carro. Sessão interrompida. Pouco depois, Sérgio Perez não respeitou a bandeira azul ao sair dos boxes e colidiu com Kimi Haikkonen, provocando outra interrupção.


Neste meio tempo, Ricciardo foi ultrapassado, no tempo, por Hamilton, Verstappen e Albon, caindo para quinto colocado. Há menos de 10 minutos para o fim, as equipes começaram as simulações de corrida, buscando o ritmo que será imprimido no domingo.


O treino classificatório para o GP da Toscana acontece neste sábado, às 10h (Brasília), com transmissão do SporTv 2.