Por que o "orgulho" de Ricciardo não foi ferido pela derrota para Norris

Daniel Ricciardo explicou por que seu orgulho não foi prejudicado pela derrota para o companheiro de equipe Lando Norris durante seu primeiro ano na McLaren na temporada passada

(Ricciardo e Norris no primeiro ano juntos como companheiros de equipe/McLaren F1)


*Peça originalmente publicada no site da GPFans


O australiano mudou da Renault , agora Alpine, para a McLaren antes da temporada de 2021 e, apesar de ter conquistado a primeira vitória da equipe de Woking em nove anos, lutou pela forma em comparação com o menos experiente Norris. Dado seu forte desempenho na Renault e capacidade de vencer corridas na Red Bull, seus resultados na última temporada foram um choque para a maioria, mas Ricciardo não permitiu que seu déficit para Norris afetasse sua própria confiança.

+ Mais noticias sobre Daniel Ricciardo


"Nós definitivamente aprendemos um com o outro este ano", disse Ricciardo em uma entrevista de final de temporada, ao GPFans.


"Mesmo nas vezes em que ele [Norris] foi mais rápido, ele ainda tirou algumas coisas de mim. Eu não quero dizer que é 50-50. Eu provavelmente tirei mais dele do ponto de vista da pilotagem."


“Se este fosse seu primeiro ano na F1 e ele simplesmente entrasse e estivesse fazendo o que está fazendo, talvez meu orgulho ficasse um pouco ferido."


“Certamente reconheço que estou no esporte há muito mais tempo, mas ele é o cara deste time que conhece o time. Mesmo dando feedback, ele se relaciona com as coisas."


"Então, eu percebi rapidamente - esqueça os anos no esporte - este é o cara mais experiente, mesmo com a maneira como ele interage com os engenheiros, ele conhece os caras."


"Então eu preciso ouvir o que ele está dizendo e tentar entender o que há com o carro."


Explicando como seus problemas foram potencialmente benéficos para a equipe quando ele chegou, Ricciardo acrescentou: “Através de mim, falando sobre as coisas que não posso fazer com este carro, também está dando a ele consciência de... É aqui que devemos concentrar mais energia e atenção'.


"Tem sido bom. Meu orgulho está bem, mas se fosse um novato fazendo isso, então eu provavelmente ficaria um pouco mais triste."

 

Siga o Ricciardo Brazil nas redes sociais: Twitter e Instagram

129 visualizações0 comentário