Mclaren considera mudança de chassi para Ricciardo no GP do Azerbaijão

Atualizado: Mai 28

Após o australiano dizer que a coisa mais frustrante é que o carro “requer certo estilo de pilotagem” para ser rápido, a McLaren considera mudar o chassi do carro número três, segundo Motorsport Itália

(Daniel Ricciardo em Mônaco/McLaren F1)


Após um bom resultado em suas primeiras corridas com a equipe Mclaren, Daniel Ricciardo caiu bastante de rendimento no Grande Prêmio de Mônaco. O australiano saiu do fim de semana sem terminar uma sessão entre os 10 melhores colocados. Isso preocupou os fãs e a equipe, mas não foi apenas os resultados que levantou o alerta de todos.


+ Mais notícias sobre Daniel Ricciardo


Em algumas de suas declarações, o piloto também se mostrou bastante preocupado alegando que os problemas já não eram mais causados por conta do período de adaptação e que o carro parecia ser rápido apenas para um estilo de pilotagem, um que não é o dele. A equipe inglesa já vinha o ajudando bastante e se mostrou totalmente empenhada em dar seu melhor ao considerar uma mudança de chassi para o GP de Azerbaijão.


O chassi é um pedaço importante do carro, que afeta bastante o desempenho do piloto, mesmo nas corridas em que o talento humano por si só possa fazer uma grande diferença, como em Mônaco. Vale destacar, que essa parte e seus componentes foram “congelados” para 2021 por votos unânimes das dez equipes participantes da competição.


Cada escuderia, nesta temporada, tinha direito a dois tokens para atualização do carro, com a necessidade de implementar o novo motor Mercedes, a McLaren já fez o uso dos seus, o que impede uma mudança dos itens que compõe o chassi. No entanto, as equipes têm a tradição de fazer quatro, cinco ou até mesmo seis chassis durante a pré-temporada, já que o período de construção de cada um leva cerca de 60 ou até mesmo 90 dias.


A variação acontece para a verificação de que não há, de fato, problema com a peça anterior, ou até mesmo com o carro, já que os novos chassis possuem exatamente as mesmas especificações do original, sem qualquer tipo de mudança.


Com isso, a McLaren deverá fazer a mudança apenas para ter a certeza de que os resultados negativos de Ricciardo não estão relacionados com o chassi ou com o MCL35M.

Siga o Daniel Ricciardo Brazil nas redes sociais: Twitter e Instagram