GP do Bahrain: Ricciardo sofre com pedais, mas faz corrida sólida e fecha estreia na sétima posição

Atualizado: há 2 dias

Australiano não conseguiu encontrar o ritmo necessário para coloca-lo novamente na disputa ao lado do companheiro Lando Norris e com o monegasco Charles Leclerc

(Daniel Ricciardo no GP do Bahrein/McLaren F1)


E por fim, aconteceu! Daniel Ricciardo fez a esperada estreia, em um GP, com as cores da McLaren, neste domingo (28), no Grande Prêmio do Bahrein. Correndo no anoitecer do Oriente Médio, o australiano conseguiu fazer uma corrida sólida e fechar o dia na sétima colocação, mesmo admitindo ainda estar sofrendo com a adaptação aos pedais do MCL35M.


+ Mais notícias sobre Daniel Ricciardo


A CORRIDA


Largando da sexta posição e com um forte começo desde a saída do Safety Car da pista - após a batida, ainda na primeira volta, do russo Nikita Mazepin - Daniel acompanhava o ritmo do britânico Lando Norris e do monegasco Charles Leclerc. Logo nas primeiras curvas do circuito de Sakhir, os companheiros de equipe travaram uma briga limpa pelo quinto lugar, tendo o piloto número 4 como vencedor.


Utilizando a estratégia de duas paradas nos boxes, por ter iniciado a corrida com os compostos macios, Ricciardo encontrou dificuldades em manter o ritmo com os pneus de faixa amarela e branca, o que impactou no progresso em relação à aproximação aos carros que brigavam pelas primeiras posições.


Mesmo conseguindo assegurar o P6 por um tempo, o australiano acabou cedendo às investidas do mexicano Sérgio Pérez, que assim como na temporada passada, chegou a ocupar o último lugar fazendo uma bela corrida de recuperação, escalando o pelotão e vencendo a votação de "Piloto do dia".


No entanto, Daniel Ricciardo conseguiu manter o espanhol Carlos Sainz, e a Ferrari de número 55 atrás, com 1.3s de distância. Em entrevista à Sky Sports, o piloto da McLaren alegou que ainda sofre dificuldades com os pedais de freio e, por isso, o ritmo ao longo da corrida foi impactada diretamente.

Vale destacar que o desempenho apresentado por Daniel neste domingo foi consideravelmente melhor em relação ao resultado obtido em 2019, no ano de estreia com a Renault, na mesma pista. Naquele ano, o australiano finalizou a corrida em décimo oitavo após sofrer um toque com o, então companheiro de equipe, Nico Hülkenberg.


O Grande Prêmio do Bahrein teve Lewis Hamilton como vencedor após uma disputa emocionante com Max Verstappen, que chegou a liderar boa parte da corrida, mas por conta de um erro na curva 4 - o neerlandês ultrapassou o britânico com o carro totalmente fora dos limites de pista - precisou devolver o P1 ao número 44, já na volta de número 54. Valtteri Bottas completou o pódio deste domingo.


Agora, a Fórmula 1 dará uma pausa de três semanas até o GP da Emília Romanha, em Ímola, no dia 18 de abril.

Siga o Daniel Ricciardo Brazil nas redes sociais: Twitter e Instagram

55 visualizações0 comentário

© 2020 por Equipe Ricciardo Brazil.    |