GP da Rússia: Ricciardo "ignora" penalização de 5s e fecha domingo em Sochi na quinta colocação

Australiano foi punido ao ultrapassar Esteban Ocon pela área de segurança da pista; piloto da Renault conseguiu tirar a diferença ainda no GP



(Foto: Daniel Ricciardo no autódromo de Sochi/ Renault F1 Team)


A corrida em Sochi não foi das mais empolgantes do calendário, que já contou com Monza e Mugello em sequência. No entanto, para Daniel Ricciardo, a Rússia representou mais um fim de semana sólido. Mesmo punido com 5s no tempo, por ter ultrapassado Esteban Ocon na área de segurança da pista, Ricciardo conseguiu tirar a diferença ainda com o GP acontecendo e recebeu a bandeira quadriculada em P5.


A corrida

Se a corrida em si não foi das mais atraentes, a largada seguiu o padrão dos últimos dois Grandes Prêmios: caos. Pela terceira vez consecutiva, uma prova não tem a primeira volta completa sem a presença do safety car na pista. Desta vez, causada pela batida, sozinho, de Carlos Sainz e pelo toque de Charles Leclerc em Lance Stroll.


Antes do carro de segurança aparecer, Ricciardo, que havia largado da quinta posição, chegou a disputar o P3 com a Red Bull de Max Verstappen, mas não conseguiu assumir a colocação do ex-companheiro de equipe. Na manobra, foi ultrapassado por Esteban Ocon.


Na relargada, com Lewis Hamilton à frente do pelotão, o australiano conseguiu o quarto lugar, mas pouco depois, viu Sergio Pérez tomar a posição, assim como Ocon, mais uma vez. Pensando na recuperação do P4, Daniel foi para os boxes mais cedo, utilizando a estratégia do undercut.

No entanto, o pit foi um pouco mais demorado do que o previsto, com 3.7s de duração. Ao deixar o pit lane, Daniel retornou em 13º e precisou escalar o pelotão. Neste intervalo, Esteban Ocon, que estava à frente do australiano, deu a posição para Ricciardo que vinha com mais velocidade. Ao ultrapassar o companheiro de equipe, Daniel Ricciardo excedeu à área de segurança da pista.


Pouco depois, foi avisado pelo engenheiro Kerel Loss no rádio que havia sido penalizado com mais 5s no tempo por conta do ocorrido na curva 2. Daniel, então, assumiu o erro e na pista, conseguiu abrir 10s de vantagem para Charles Leclerc, 6º colocado, conseguindo manter a posição ao fim da corrida.

O Grande Prêmio da Rússia contou com Valtteri Bottas em P1, Max Verstappen na segunda colocação e Lewis Hamilton, punido em 10s por duas infrações antes do início da corrida, em terceiro lugar.

Siga o Daniel Ricciardo Brazil nas redes sociais: Twitter e Instagram

12 visualizações0 comentário