logo-png.png
IMG_1222_edited.jpg

DANIEL RICCIARDO

Aos nove anos, Ricciardo iniciou sua carreira como piloto, ainda no GO-Kart. Aos dezesseis, começou a participar de competições ainda na Austrália, despertando a atenção e conseguindo assim, uma bolsa para o Campeonato Asiático de Fórmula BMW.
Impondo cada vez mais seu nome no automobilismo e tornando-se notório, Daniel foi convidado pela Motoworld Racing a juntar-se a equipe e competir a Fórmula BMW Britânica. Nos anos de 2007 e 2008, o australiano participou da Fórmula Renault Italiana e Europeia conseguindo bons resultados.
No entanto, na metade do segundo ano, Daniel Ricciardo saltou de categoria e disputou a Fórmula 3 com a equipe SG. Na temporada seguinte, se transferiu para a Carlin Motorsport e conquistou o título. Em outubro de 2009, assinou contrato com a Tech 1 para disputar a Fórmula Renault 3.5 no ano seguinte - conquistando uma série de vitórias e pole positions, permanecendo na modalidade até 2011, já na ISR Racing. 
E foi neste ano em que Ricciardo estreou na Fórmula 1 ao ser anunciado pela HRT. Ao fim da temporada, o australiano foi confirmado como piloto principal da Toro Rosso, onde permaneceu por dois anos (2012 e 2013). 
daniel-ricciardo-ultima-foto-com-equipe.
RED BULL 
2014-2018

Promovido à equipe principal em 2014, Daniel Ricciardo permaneceu na escuderia energética até dezembro de 2018. Foi na RBR onde o australiano conquistou sua primeira vitória, no GP do Canadá, logo no ano de estreia. Usando o macacão azul, Ricciaro venceu sete grande prêmios, sendo a vitória em Mônaco 2018 a mais notória de sua carreira até então. Foi na Red Bull também, onde Daniel alcançou seu melhor resultado no campeonato de pilotos na Fórmula 1: duas vezes terceiro lugar. 

bae0bb7c-b2a8-49b5-8c8f-a0588802e1a1.jpg
RENAULT
2019-2020

Pegando o mundo do automobilismo de surpresa, Daniel Ricciardo chegou à Renault F1 Team no início de 2019 após fechar um contrato de dois anos com a equipe de fábrica. No entanto, ao contrário do ''debout'' mágico na ex-equipe, a estreia na escuderia amarela e preta não foi a esperada, com uma temporada conturbada. Foi somente no ano seguinte que o australiano voltou a conquistar resultados positivos incluindo dois pódios em 2020, dois anos após a última passagem pelo posto mais desejado da categoria. 

IMG_1179.JPG
MCLAREN
2021 

Surpreendendo mais uma vez, Ricciardo decidiu, antes mesmo do fim da temporada 2020, anunciar sua ida à McLaren. Agora, o australiano chega a sua terceira equipe na Fórmula 1 e vem com a ambição de tentar a conquista do campeonato mundial.